23/03/2014

Over Again: Capítulo 19

Back to Home.

Trying hard to reach out, but when I tried to speak out.. Felt like no one could hear me. Breakaway/Kelly Clarkson


SeuApelido Pov’s on.

Eu odeio a Manuela com todas as minhas forças. Quando eu penso que a minha vida 
estivesse tomando um rumo diferente, ela acaba com todas as minhas esperanças outra vez. Como ela tem a cara de pau de chegar e falar isso pro Liam? Eu nunca fiz nada pra essa 
garota e ela me odeia de uma forma totalmente anormal. Óbvio que eu estava chateada por ele ter em chamado de groupie. A essa altura do campeonato todos os meninos já devem 
estar pensando que eu sou uma groupie, chupa fama e sei lá mais o que. Era só o que me faltava pra minha vida se tornar realmente um inferno. E o pior, a chuva estava aumentando.

Ligação Pov’s on.

Liam: Alô? Niall?
Niall: Liam? Aonde é que você se meteu? Não me diga que se perdeu de novo, por favor?
Liam: Mais ou menos.
Niall: Ah Liam, aonde é que você está?
Liam: Não sei, dude. Eu estou meio perdido.
Niall: Me diz o que você vê. É perto da onde?
Liam: Vejo árvores..
Niall: VOCÊ ESTÁ EM UMA FLORESTA?
Liam: Não cara, você nem me deixou terminar. –soltei um risinho, Niall deveria estar preocupado.
Niall: Ok, continue..
Liam: Então, daqui da pra ver a enorme roda da London Eye, não é muito longe de lá, pois quando eu me perdi da Manuela...-Depois do “me perdi da Manuela” não escutei mais nada que ele falou. Espera, como assim ele se perdeu da Manuela? Eles estavam juntos? Eles estão juntos? Ai puta que pariu, como eu odeio essa garota. Naja.
Liam: Ok...Uhum...Ta Niall, não tem como eu sair daqui. Vem logo porque ta chovendo muito...E...Eu não estou sozinho...SeuNome...Sim, ela...Não...Ok, tchau.

Ligação Pov’s off.

Eu: Então? –olhei pra ele, meu Deus que par de olhos lindos. Não se perde, não se perde neles. Droga.
Liam: SeuNome?
Eu: O que? –sai do meu transe.
Liam: Você ta bem? Tava me olhando igual a uma maníaca. –ele sorriu de lado.
Eu: To sim. Eaí?
Liam: Ele ta vindo aqui.
Eu: Ok. –ficou um silêncio, mas ele resolveu quebrar.
Liam: O tempo aqui... é bem, estranho. Estava um céu claro, agora esta escuro.
Eu: Uhum.
Liam: Para de falar palavras monossílabas.
Eu: Você quer que eu fale o que, Liam? A muito obrigada por me chamar de groupie, estou muito agradecida. É uma coisa que eu adoro ser chamada sabe? –fitei ele.
Liam: Para! Eu já te pedi desculpas, por Deus.
Eu: E você acha que é legal escutar uma coisa dessas? Não, não é nada legal. 
Por favor, não fala comigo.
Liam: Mas você é a única pessoa que tem aqui pra eu falar, eu fico impaciente.
Eu: Fala com a chuva e me deixa quieta. –virei pro lado me encolhendo, não querendo olhar para aqueles pares de olhos totalmente viciantes que parecem uma lagoa.
    Passou 15 minutos e um carro parou na nossa frente com os faróis ligados e o vidro se abriu, revelando um Niall com um gorro na cabeça e uma jaqueta jeans, puta que pariu. Não acredito que é o Niall. Não acredito. Não acredito. Meu Deus, sem ataque de fã por favor, preciso agir como uma pessoa normal. AI NÃO DA. É O NIALL! Ok, respira.
Niall: Então, vocês vão ficar ai? –ele sorriu, caralho Horan não faz isso.
Liam: Vem, eu te ajudo. –iria recusar, mas meu pé estava realmente doendo, e meu braço ainda sangrava um pouco, sem contar que estava toda suja e com o cabelo todo desengonçado, Liam pegou meu braço e me ajudou a sentar no banco de trás do carro, enquanto ele se sentou na frente com o Niall.
Niall: Espera, você não é a menina que nós entramos no táxi sem querer? –ele sorriu sapeca.
Eu: Sim. –sorri de volta.
Niall: Me desculpe por aquele dia, estávamos com pressa, tínhamos nos perdido dos meninos 
e tinha mil meninas atrás da gente. –ele riu ligando o carro.
Eu: Tudo bem. –eu ri.
Niall: Aonde você mora?
Eu: Na minha casa. –eu ri- Brincadeirinha, é.. quando estivermos perto daquela pracinha no centro eu vou te guiando, é que ainda não gravei meu endereço. –ele riu.
Niall: Ok. Eaí Liam, ela que é a groupie?
Eu: Ah, você também? É uma revolução agora? Ídolos chamam fã de groupie.
Liam: Niall, não acreditou na Manuela. Ele disse que, a gente não poderia acreditar simplesmente em um estranho.
Eu: Alguém tem que pensar aqui né?
Liam: Ta me chamando de burro?
Eu: Se a carapuça serviu. –eu ri e Niall também.
Niall: Eu só disse que eles não poderiam ter tanta certeza assim no que, a Manuela falou. 
Mas também, me desculpe, não podemos acreditar em você.
Eu: Tudo bem, eu entendo. Eu também sou uma estranha. Só peço que tomem cuidado 
com a Manuela. Ela não é uma boa pessoa.
Niall: Eu bem... também acho que não. Mas Harry e Zayn gostaram muito dela.
Liam: Estou confuso ainda.
Liam: Vai ficar tudo bem, Liam. Só temos que descobrir quem está mentindo. –depois disso ficou um silêncio no carro, ninguém se atreveu a dizer nada e eu apenas olhava as ruas de Londres totalmente escuras com gotas de chuva caindo no chão, por mais que eu estivesse com uma vontade enorme de chorar eu não choraria, não na frente deles.


***


Niall: Bom... está entregue. –ele sorriu.
Eu: Obrigado, Niall. –coloquei a mão no ombro dele sorrindo-
Liam: Tchau SeuNome, me desculpe por.. tudo. –ele me olhou.
Eu: Desculpas pra que se eu não passo de uma groupie. –meu olhar pra ele era triste e ele apenas abaixou a cabeça e Niall não disse nada- Adeus.
Niall: Adeus? Adeus é uma palavra muito grande, com um significado muito intenso. Vai ver a gente se esbarra por ai.
Eu: Acho que não, Niall. –olhei pra ele, com um sorriso de canto saindo do carro- Obrigado mais uma vez.
Niall: Boa noite, SeuApelido. 
Eu: Boa noite, Horan. –ele sorriu e entrei na portaria, mas eu lembrei rapidamente que o casaco de Niall estava comigo e sai mancando um pouco lenta, pra ver se eles ainda estavam lá, mas o carro já estava virando a esquina. Que legal.
Xxx: SeuNome? –me virei e vi Erick- Aonde você se meteu, garota? Eu estava te procurando que nem um doido. –fui até ele e o abracei- E o que houve com seu pé?
Eu: Ai Erick... é uma longa história.
Erick: Eu tenho todo tempo do mundo. E ainda são 19:24. –ele sorriu.

     Contei tudo ao Erick do que eu sabia, do que aconteceu. Da Manuela. Exatamente tudo, ele não imaginou que Manuela fosse tão longe e fosse ser tão suja ao ponto de fazer isso. Ele sabia que a única pessoa que queria fama aqui era ela e não eu. Por um momento me senti aliviada e segura de estar conversando com ele. Naquele momento eu soube que, não importa o que seja, Erick vai me apoiar

SeuApelido Pov’s off.

5 comentários:

  1. adoreiii continuaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa

    ResponderExcluir
  2. http://londonforonedirection.blogspot.com.br/
    dá uma olhada, por favor?

    ResponderExcluir
  3. http://sweet-cherry-fi.blogspot.com.br/ :)

    ResponderExcluir

Oii cenourinhas!
Sejam bem-vindas (:
O comentário de vocês são importantes para nos.
Então comenta princesa ;3